Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia promove discussão sobre políticas públicas para a juventude

Audiência pública aconteceu no plenário da Câmara Municipal de Duque de Caxias. 

DA REDAÇÃO
08/06/2021 – 17:09 

A Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia realizou no último dia 04/06, uma audiência pública no plenário Vilson Campos Macedo, para discutir políticas públicas para a juventude de Duque de Caxias.

Secretário municipal de Ciência e Tecnologia, Eduardo Moreira (centro) / Foto: ART VÍDEO/ VICTOR HUGO (reprodução internet)

Estiveram presentes no debate, o secretário municipal de Ciência e Tecnologia, Eduardo Moreira, o líder do Governo na Câmara, Valdecy Nunes (Patriota), os vereadores Nivan Almeida (PT) e Paulo Afonso (Republicanos), a presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente – CMDCA, Márcia Cardoso, a professora Iracema Costa, que é subsecretária municipal de Educação, Alcineia Oliveira, diretora de Educação da Fundec, Everton Panda, presidente do Conselho Municipal da Juventude, o vereador de Paraíba do Sul/ RJ, André Salgueiro (Republicanos), e a convidada, Emilly Coelho, titular da Secretaria Nacional da Juventude – SNJ, órgão que integra a estrutura do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos – MMFDH.
“Sabemos que precisamos da ajuda do poder público para desenvolver ações e projetos em benefício da juventude e, por isso estive em Brasília e tive a honra de ser recebido pela secretária nacional da Juventude, Emilly Coelho. Fiz o convite para que viesse em Duque de Caxias e aqui está ela”, disse o vereador licenciado e atual responsável pela pasta de Ciência e Tecnologia do município, Eduardo Moreira, que foi eleito vereador pela primeira vez aos 24 anos e, já naquela época, tinha o objetivo de discutir políticas públicas para os jovens de Duque de Caxias.

O secretário, que se orgulha em ter sugerido a criação do Conselho Municipal da Juventude, através de uma indicação parlamentar, durante seu longo período de atuação na vereança da cidade. “Buscaremos recursos com a secretária nacional para, juntamente com a prefeitura, realizarmos projetos voltados para a juventude no município”, disse ele.
Também destacou o sucesso da equipe da Fundec, que atualmente conta com 30 mil alunos, 106 cursos, 27 unidades e está com um novo modelo de elaboração de cursos que, de acordo com Eduardo, é feito um estudo no mercado para oferecer opções a fim de ingressar profissionais de qualidade no mercado de trabalho e oferecer cursos variados, tais como: games, técnico de Enfermagem e outros.

A jovem Emilly Coelho, além de apresentar como é desenvolvido o trabalho do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, e também da pasta que está sob a sua responsabilidade, demonstrou apreço por estar na cidade. “É muito importante estar aqui conversando sobre políticas públicas para a juventude. Quando o Legislativo, o Executivo e a Sociedade Civil conversam, se tornam o tripé necessário para colocar qualquer política pública em prática, não só para a juventude, mas também para a mulher, criança e ao adolescente. Quanto mais conhecimentos damos para as crianças e para os jovens, mas a gente amplia o mundo dessas pessoas”, frisou.

“Fico muito feliz e honrada de estar participando dessa mesa com a presença da secretária Emilly, que tem tanta disposição e vontade de fazer pelos nossos jovens. Que a Secretaria Municipal de Educação e a Secretaria Nacional da Juventude estabeleçam vínculos para desenvolver trabalhos gratificantes, com frutos colhidos no futuro. Pensar na criança e na juventude é pensar em uma sociedade melhor e de qualidade”, falou a subsecretária, professora Iracema.

Militante declarada no segmento da Educação, Alcineia Oliveira, que esteve no evento representando o presidente da Fundec, Jonas Santana, exaltou o jovem Miguel dos Santos – que estava presente no plenário – que até o ano passado, era estudante da Rede pública municipal. Ele ganhou, recentemente, o título de melhor representante dos Grêmios Estudantis do Estado do Rio de Janeiro. “O grande poeta Gonzaguinha, que já se foi, dizia uma frase que resume tudo: ‘Eu acredito é na rapaziada, que segue em frente e segura o rojão’. O futuro não é amanhã, o futuro é hoje! É através dos jovens que iremos mudar o país”, comentou a diretora de Educação.

Márcia Cardoso, presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente - órgão que discute políticas públicas para essas faixas etárias -, falou da importância do debate para melhores condições tecnológicas para os jovens duquecaxienses: “Fortalecendo o adolescente hoje, teremos um grande jovem amanhã para aplaudirmos de pé”, disse ela sob salva de palmas.
Everton Panda, jovem promissor nas ações de promoção de conhecimentos para a juventude, ficou grato pela realização do evento. Além de ser o presidente do Conselho Municipal da Juventude, acumula as funções de coordenador Municipal de Política de Juventude, presidente do Fórum Estadual de Gestores Municipais de Juventude do Estado do Rio de Janeiro e presidente do Comitê Estadual de Acompanhamento e Fiscalização do Programa ID Jovem, explicou questões relacionadas ao “ID Jovem”, ferramenta que dá acesso a benefícios, conforme disposto no Decreto Nacional 8.537/2015. “Esse programa vem da Secretaria Nacional da Juventude. E aqui em Duque de Caxias, temos bastante dados voltados para os jovens que necessitam desse acesso, e é um número bastante elevado”, disse Panda.

Panda, em conjunto com a professora Alcineia e a Secretaria Municipal de Educação, é o responsável pelo “Decola Jovem” – programa de empreendedorismo para a juventude, que aconteceu em parceria com o Instituto Souza Cruz. Ao lado do ex-aluno Miguel, ele criou o “Programa de Fomento aos Grêmios Estudantis”. “No começo encontramos apenas cinco Grêmios instituídos no município e conseguimos garantir 100% dos Grêmios de Duque de Caxias nesse programa que a gente desenvolveu em parceria com a Secretaria de Educação. Ao todo, 52 Grêmios estão ativos na nossa cidade e o Miguel surgiu como jovem-líder”, contou Panda, que em parceria com a Fundec e a Fundação CSN, também tem envolvimento com o programa Jovem Aprendiz. Ele contou, ainda, que tem interesse em desenvolver projetos para os jovens do campo e para o voluntariado.

Fonte: Câmara Municipal de Duque de Caxias

© Copyright 2021 C.A.S Comunicação. All Rights Reserved.

Made with Mobirise web page themes